Escolas

Para saber como pode ter as turmas da sua escola a ver os nossos espectáculos contacte-nos para teatrodosaloes@sapo.pt

O Cavaleiro da Dinamarca

Livro recomendado no Plano Nacional de Leitura dos alunos do 7ºano

No regresso de uma longa peregrinação à Palestina, o Cavaleiro tem apenas um desejo: voltar a casa a tempo de celebrar o Natal com a sua família. Nessa viagem, maravilha-se com as cidades de Veneza e Florença, e ouve histórias espantosas sobre pintores, poetas e navegadores. São muitas as dificuldades com que se depara, mas uma força inabalável parece ajudá-lo a passar essa noite tão especial com aqueles que mais ama…

Esta adaptação para teatro da obra de Sophia de Mello Breyner Andresen, recria o ambiente de uma banda de garagem onde os jovens músicos assumem simultaneamente o papel de contadores de histórias. Os atores vão passando pelas diversas personagens, intercalando a narrativa com música original dos próprios. O sucesso desta abordagem está, sem dúvida, na identificação e empatia que é criada entre o público mais jovem e os atores/personagens. Esta partitura possibilita aos jovens estudantes o contacto com uma obra recomendada pelo Plano Nacional de Leitura, permitindo a sua compreensão e assimilação de forma mais divertida e descontraída. Este espetáculo pretende não só chegar aos alunos do 7º ano, mas a todo o público sendo uma ótima forma de passar tempo em família.

Ficha Artística e Técnica:

Texto: Sophia de Mello Breyner Andresen |Encenação: Sofia de Portugal | Interpretação: Afonso de Portugal, Carlos Malvarez, David Medeiros e João Redondo | Música: Afonso de Portugal | Cenografia, Figurinos, Design Gráfico, Fotografia: Aurélio Vasques |Desenho de Luz: Tasso Adamopoulos | Produção Executiva: Daniela Sampaio| Produção: Teatro dos Aloés 2017 |M/6

O Meu Pé de Laranja Lima

Livro recomendado no Plano Nacional de Leitura dos alunos do 9ºano

Viajamos com Zezé nas suas múltiplas aventuras, na comovente descoberta da ternura
através do seu amigo Portuga, mas também na descoberta da dor quando o amigo morre tragicamente, colhido por um comboio.

O valor da amizade, a capacidade da imaginação para superar as condições mais adversas, a defesa do amor e da ternura como armas para vencer o medo e a estreita ligação com a natureza, parecem-nos temas com capacidade para continuar a interessar e comover espectadores de diversas gerações. O texto alerta também para o lado sombrio da infância, muitas vezes esquecido diante da enorme quantidade de material que tem como tema a infância idealizada, numa sociedade urbana que fomenta essa visão.

O ator no lugar do contador de estórias que se deixa levar pelas personagens que evoca.

Resistimos à tentação de recriar as personagens e os lugares. Queremos contar esta história, evocar as personagens e os lugares, mas manter intacto o seu carácter narrativo — é um livro que está a ser lido, que quer ser lido, e como todo o bom contador de estórias, o narrador vai assumindo, aqui e ali, a voz e o carácter de uma e de outra personagem e porque já o repetiu vezes sem conta, sabe de cor aquelas palavras, ou seja, no coração.

Sendo um dos livros juvenis mais lidos desde há várias gerações, cada leitor guarda para si as imagens que a sua imaginação criou. Não queremos “perturbar” esse imaginário, mas sim evocar a vibração contida na narrativa e é essa vibração que é partilhada com o público. Mas porque o fazemos no espaço mágico do teatro, e porque temos verdadeira paixão po esse espaço, não resistimos a evocá-lo e torná-lo também protagonista. É isto que temos para vos oferecer: um livro, atores apaixonados e um teatro.

Ficha Artística e Técnica:

Texto: José Mauro de Vasconcelos | Encenação: Elsa Valentim | Interpretação: Graciano Amorim, Jorge Silva, José Peixoto e Matilde Carvalho | Direção de Arte: João Rodrigues | Desenho de Luz: João Silva e Rafael Ribeiro |Música: Rui Rebelo | Animação: Patrícia Santos | Assistência de Encenação: Matilde Carvalho | Consultoria de Comunicação/Assessoria de Imprensa: Sofia Peralta | Direção de Produção: Daniela Sampaio | Operação Técnica: Rafael Ribeiro e Sandro Esperança | Produção: Teatro dos Aloés 2022 | M/12

Para saber como pode ter as turmas da sua escola a ver os nossos espectáculos contacte-nos para teatrodosaloes@sapo.pt